Contágio e fatores de risco

Micoses

Contágio e fatores de risco

Contágio

Os esporos dos fungos estão em toda parte, assim, a simples situação como caminhar descalço pode ocasionar a contaminação; a transmissão de pessoa a pessoa também ocorre e pode ser de forma direta ou indiretamente por materiais de pedicure ou calçados contaminados.

Entretanto a descrição da literatura científica relata que é necessário mais que, simplesmente, a presença do fungo para o indivíduo manifestar a doença. As micoses se instalam quando ocorre uma falha na defesa imune, já que se estima que mais da metade da população adulta seja portadora de fungos dermatófitos (agentes etiológicos causadores das frieiras e micoses de unha), mas não apresentam nenhum sintoma.

Fatores de Risco

Os fatores mais importantes que resultam no aparecimento da onicomicose são:disfunção hormonal, diabetes mellitus, perturbações circulatórias periféricas, anomalias morfológicas nas unhas, condições de higiene inadequadas,além de traumatismo e fatores de manutenção, como a profissão.

A onicomicose em particular é mais frequente na população mais idosa, devido à redução da taxa de crescimento das unhas e o aumento da probabilidade de trauma nesta região.

Traumas como os que acontecem quando a pessoa tropeça e machuca a unha é uma porta de entrada muito frequente para os fungos causadores de onicomicose.

Deixe um comentário